São Paulo pode ter que mandar grana pro Ceará

Contratado por empréstimo junto ao Fluminense até o final desta temporada, o lateral-esquerdo Caio Paulista surpreendeu todas as estatísticas. Sua saída do clube carioca foi comemorada por alguns torcedores, que eram bem críticos em relação às suas performances dentro de campo. A princípio, até alguns são-paulinos ficaram receosos contra o movimento do clube no mercado.

Depois de um começo instável com Rogério Ceni, Caio Paulista se tornou um jogador completamente diferente após a chegada de Dorival Júnior. Ele aparenta ter adquirido mais confiança para demonstrar suas habilidades, muito por conta da lesão série de Welington, titular no setor.

Nesta temporada, Caio Paulista foi uma das principais armas ofensivas do São Paulo. Atuou em 43 partidas, marcando quatro gols e distribuindo duas assistências. Foi um dos destaques no título inédito da Copa do Brasil.

Tricolor comprará Caio Paulista em definitivo

Caio foi titular absoluto do Tricolor, mesmo após a volta de Welington. Ele se tornou uma peça fundamental no time, e fez com que a própria diretoria do clube confirmasse que ele será adquirido de forma definitiva junto ao Fluminense.

No acordo de empréstimo assinado no começo da temporada, previa um pagamento de US$ 3,5 milhões (cerca de R$ 17,6 milhões na cotação atual). O Tricolor quer abaixar a pedida, mas a tendência é que, valorizado após o título da Copa do Brasil, o SPFC desembolsar essa quantia.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Quem pode se dar bem com a transferência é o Ceará, já que o jogador teve passagem nas categorias de base do clube entre 2014 e 2015, obtendo o direito de 20% do valor obtido pela Tombense (que possui 50% dos direitos dele). O valor chegaria a R$ 2 milhões, fora o 0,5% do clube formador.