16 atletas que foram contratados por Casares no São Paulo; veja quem vingou

0

Quando Julio Casares assumiu a presidência do São Paulo em janeiro de 2021, a situação do clube parecia estar próxima de entrar nos trilhos. Pouco mais de um mês após a posse, o presidente do tricolor trouxe o técnico Hernán Crespo e, no primeiro campeonato da temporada, o Paulistão, se consagrou campeão depois de 16 anos na fila.

De lá para cá, Casares contratou 16 atletas com a promessa de retomar um São Paulo competitivo a nível nacional. No entanto, poucas das contratações vingaram de fato – para não dizer que apenas uma já fez valer o valor pago.

O maior acerto do São Paulo na gestão de Casares sem sombra de dúvidas é o atacante Jonathan Calleri. O argentino chegou ao tricolor no segundo semestre do ano passado e é o principal artilheiro da equipe na atual temporada, com 17 gols, assim como artilheiro do Brasileirão 2022 até o momento – com 9 bolas na rede.

Das demais contratações da gestão Casares, quatro ainda são vistas como peças que podem vingar na equipe, ou que foram importantes em determinados momentos. É o caso do atacante Éder, dos laterais Rafinha e Alisson e do meia Patrick, que nos últimos jogos vem marcando gols com a camisa tricolor.

Orejuela, William, Rigoni, Bruno Rodrigues, Gabriel Neves, Andrés Colorado e André Anderson fecham a barca de 16 contratações da gestão Casares. Esses citados por último, no entanto, não vingaram. Alguns, inclusive, nem estão mais no São Paulo – como é o caso de Orejuela, William e Bruno Rodrigues.

Até o momento, a gestão do São Paulo já contabilizou R$ 65,9 milhões em transferências – com a meta de R$ 142 milhões até o fim de 2022. Casares, no entanto, afirma que a arrecadação do clube deverá ser um pouco menor, na casa dos R$ 110 milhões, o que para ele é “maravilhoso”.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino e siga o melhor site sobre o Tricolor no Instagram.

- Publicidade -