Zubeldía revela DM do São Paulo lotado

Nesta quarta-feira (8), o São Paulo foi à cidade de Calama, no Chile, e venceu o Cobresal por 3 a 1, de virada. Graças aos gols de Luciano, Nestor e Calleri, o Tricolor está classificado para as oitavas de final da Libertadores da América. Agora, basta saber se passará em primeiro ou segundo do grupo.

Durante a entrevista coletiva após o triunfo, o técnico Luis Zubeldía, contratado para substituir Thiago Carpini, ressaltou a importância da vitória fora de casa e a classificação antecipada. 

“A equipe fez um bom trabalho. Eu gosto de resultado com autoridade. O processo do torneio nos ensina as distintas situações que podem se apresentar. É uma aprendizagem. O nível é bom”, começou.

Apesar do clima de festa, o São Paulo sofreu um baque importante. Isso porque o atacante Jonathan Calleri, que balançou as redes no confronto, sentiu dores na panturrilha no final da segunda etapa e pediu para ser substituído. Rodriguinho entrou no lugar do argentino, que será reavaliado pelo departamento médico.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

SPFC tem nomes importantes machucados

 Diante disso, Zubeldia comentou sobre a situação do DM, mas ressaltou que o time vem conseguindo se adaptar às ausências e continua sendo competitivo. Atualmente, Lucas, Rafinha, Wellington Rato e Pablo Maia estão fora por lesão.

“Não estamos baixando o nível. O resultado está sendo favorável, necessito de todo o plantel para formar uma boa equipe. São seis ou sete jogadores lesionados, o Calleri também. Mas a equipe mantém um bom nível. O ideal é ter todos os disponíveis, mas é importante que o grupo tenha personalidade para transitar nesse momento”, finalizou Zubeldía.