Vô de Neymar ganhou na Mega-Sena e deixou seu neto feliz da vida

No Brasil, a cultura de jogar na loteria é muito presente na vida de grande parte dos cidadãos. Vencer é extremamente raro, já que engloba um sonho muito distante. Contudo, para o avô de Neymar, nada é impossível.

Além de ver o neto se tornar uma referência futebolística, ele ganhou R$ 250 mil na Mega Sena. A informação foi divulgada pelo próprio astro brasileiro, em entrevista a Thiago Nigro, do canal O Primo Rico.

“Meu vô ganhou na Mega Sena. Foi há uns 15 anos. Ele ganhou, na época o meu pai pediu para administrar o dinheiro, mas ele disse: deixa eu administrar que a gente vai fazer tudo que vocês querem. Na época, rolou essa discussão que você falou, entre família e tal, não deixaram”, iniciou.

De família humilde, o avô de Neymar aproveitou a oportunidade de ouro para comprar diversos itens e objetos, segundo o atleta, o que resultou no fim do dinheiro em muito pouco tempo.

“Minha família sempre foi humilde. Imagina, se não me engano era R$ 250 mil na época, há 15 anos era dinheiro pra c*** Então, dá para fazer muita coisa. Na época, acabou em dois meses. Virou uma moto muito grande que meu vô comprou, muitas coisas e aí acabou muito rápido”, disse.

O atacante do Al-Hilal e da Seleção Brasileira revelou que não tinha muito conhecimento sobre investimentos financeiros quando começou a jogar futebol. Com o passar do tempo, foi aprendendo mais sobre a prática.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Eu consigo acompanhar, não acompanho praticamente tudo, confesso, mas eu acompanho muito mais. Antigamente, eu não sabia de nada. Só jogava futebol e acabou. Hoje, já tenho coisas investidas, converso mais com o meu pai sobre empresa, sobre tudo”, explicou.

Machucado, Neymar deve ficar fora da Copa América

Durante a partida contra o Uruguai, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026, Neymar acabou sofrendo uma lesão grave no joelho. O incidente ainda trouxe outra péssima notícia para ele e os brasileiros: sua participação na Copa América está em risco, segundo divulgação do médico Rodrigo Lasmar, que trabalha na Seleção Brasileira e no Atlético-MG.