Vasco superou o São Paulo e fez proposta maior

Ativo no mercado de transferências, o São Paulo tratava como prioridade a busca por um atacante. O objetivo é encontrar uma “sombra” e reserva para Jonathan Calleri, além de dar um descanso ao argentino.

Segundo informações divulgadas pelo portal UOL, o Tricolor está muito perto de anunciar oficialmente a contratação do atacante André Silva, que defendia o Vitória de Guimarães, de Portugal.

Por sinal, o brasileiro estava sendo um dos melhores jogadores na temporada do time. Era a principal força ofensiva, já que em 27 partidas disputadas, acumula o total de 13 gols marcados e mais duas assistências distribuídas. 

Ainda de acordo com a mesma fonte citada, o São Paulo pagará 3,5 milhões de euros (R$ 18,8 milhões) por sua contratação. Ele está em alta no mercado, e em janeiro, ficou a um passo de se transferir ao Hellas Verona, da Itália.

O SPFC irá realizar o pagamento de forma parcelada em quatro anos. A primeira delas será depositada somente no segundo semestre. Não foram divulgados o número e nem os valores exatos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Vontade do jogador prevaleceu no negócio

Também precisando de um atacante, o Vasco tentou dar um “chapéu” no Tricolor. O clube carioca enviou uma proposta até maior do que a do SPFC:  3,8 milhões de euros (R$ 20,4 milhões).

Contudo, o desejo do atleta falou mais alto. André Silva quer jogar no clube paulista e disputar a Libertadores da América. Ele desembarcou no Aeroporto de Guarulhos nesta quinta-feira (29), e fará os exames médicos para ser anunciado.