Urgente: Daniel Alves acaba de ser condenado a cadeia

Nesta quinta-feira (22), o brasileiro Daniel Alves foi condenado por estupro pela Justiça espanhola. A sentença divulgada pela juíza Isabel Delgado Pérez foi de quatro anos e seis meses de cadeia. A defesa ainda pode acionar o recurso, assim como a acusação. 

Depois que o lateral-direito cumprir a pena estipulada, terá que passar mais cinco anos em liberdade vigiada. Ou seja, não poderá ficar a menos de um quilômetro da vítima, seja em sua casa ou local de trabalho. Além disso, será obrigado a pagá-la 150 mil euros (cerca de R$ 805 mil) por danos morais e físicos. 

A Justiça da Espanha emitiu um comunicado explicando a decisão. Segundo as autoridades, existem provas suficientes para provar que Daniel Alves cometeu de fato uma agressão sexual. 

“O tribunal considera provado que o acusado agarrou abruptamente a denunciante, a jogou no chão e, a impedindo de se mexer, a penetrou pela vagina, apesar de a denunciante ter dito que não, que queria ir embora. Isso cumpre o tipo de ausência de consentimento, com uso de violência, e com acesso carnal” , diz uma parte do documento.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Vale lembrar que Daniel Alves está preso de maneira preventiva desde o começo de janeiro do ano passado. Ele teve diversos pedidos de liberdade provisória negados, uma vez que as autoridades alegam risco de fuga ao Brasil.

A defesa da vítima havia pedido 12 anos de prisão para o brasileiro, ou seja, a pena máxima permitida para este tipo de crime na legislação da Espanha. Por outro lado, o Ministério Público solicitou nove anos de cadeia. 

Daniel Alves não presenciou o momento do veredito e da divulgação da sentença. No momento, estavam a promotora, Elisabet Jiménez,  a advogada da vítima, Ester García, e a advogada do brasileiro , Inés Guardiola, fora a promotoria. A defesa do atleta disse que deve recorrer a decisão da condenação.