Urgente: CBF toma decisão bombástica e comunica São Paulo e Palmeiras

Em meio a incertezas em relação ao técnico, o São Paulo recebeu enfim uma boa notícia. Nesta terça-feira (9), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acertou a realização da Supercopa do Brasil de 2024 no Mineirão, em Belo Horizonte. O torneio reúne o campeão da Copa do Brasil (SPFC) contra o vencedor do Brasileirão (Palmeiras).

A entidade brasileira está no aguardo da finalização dos trâmites finais que envolvem a burocracia do estádio e assinatura de contrato de Ednaldo Rodrigues, presidente da mesma. A partida ocorrerá no dia 3 de fevereiro.

Nesta segunda (8), membros das torcidas organizadas de ambos os clubes se reuniram junto a César Saad, que é o delegado da Delegacia de Repressão aos Delitos no Esporte (Drade).

O bate-papo serviu para colocar alguns “pingos nos is” sobre a final, como por exemplo, a divisão do estádio para as duas torcidas. Vale lembrar que clássicos com duas torcidas estão proibidos em São Paulo desde 2016, após medida do Ministério Público.

Enquanto isso, o gramado do Mineirão está em tratamento para receber as partidas da temporada. Não há nenhuma partida no estádio próxima à data da Supercopa, já que o clássico entre Atlético-MG e Cruzeiro, no dia seguinte, será disputado na Arena MRV.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

CBF cogitou Supercopa em outros estádios

Além do Mineirão, diversos outros palcos estavam sendo analisados para receber o Choque-Rei. Inicialmente, o confronto tomaria lugar no Mané Garrincha, em Brasília. O Maracanã, no Rio de Janeiro,e o Parque do Sabiá, em Uberlândia, no interior de Minas Gerais, também estiveram na conversa.

O Mané Garrincha receberá um evento de carnaval entre os dias 3 a 13 de fevereiro, enquanto o Maracanã, o preferido de SPFC e Palmeiras, receberá uma reforma no gramado. Junto a isso, a partida entre Vasco e Flamengo está sendo cogitada para acontecer no local.