Treinador do Manchester United responde sobre venda de Antony

Considerado por muitos como a grande revelação saída do Centro de Formação de Atletas Presidente Laudo Natel nos últimos anos, o meia-atacante Antony chegou ao Manchester United cercado de expectativas em agosto de 2022. Indicado pelo técnico Erik ten Hag, o brasileiro custou incríveis R$ 504 milhões aos cofres ingleses.

Depois de uma primeira temporada onde até acumulou bons números, com oito gols e três assistências em 44 jogos disputados, o ex-São Paulo viu seu desempenho cair drasticamente enquanto polêmicas em sua vida pessoal dificultaram ainda mais o difícil momento. Em setembro, Antony chegou a ser afastado do elenco.

Acusado de agressão física pela ex-namorada, a DJ Gabi Cavallin, o jogador também foi cortado da Seleção Brasileira e foi alvo de inúmeros protestos da torcida do United. Mesmo assim, ganhou o aval da direção para retornar às atividades. A volta, no entanto, não tem sido proveitosa, com Antony sendo figurinha carimbada no banco.

Sem aparecer no time titular desde o fim de janeiro, o brasileiro tornou-se pauta de uma especulação do conceituado jornal britânico Daily Mail. Segundo a publicação, o Manchester United estaria disposto a vender o meia-atacante para buscar recuperar uma parte do valor investido. Algo descartado pelo técnico Erik ten Hag.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Em recente entrevista, o holandês falou sobre a situação de seu pupilo: “Eu apoio o Antony há muito tempo. Conheço suas habilidades e vou recuperá-lo, vou apoiá-lo. Ele tem de esperar pela sua chance e, uma vez lá, precisa estar à altura”. Os dois trabalharam juntos no Ajax, da Holanda, antes de chegarem ao United.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.