Torcida protesta e pede a demissão de ex-São Paulo

https://www.pxfuel.com/en/free-photo-xfczf

Diante da situação do clube no Campeonato Brasileiro, a torcida do Fluminense protestou contra o clube e pichou os muros da sede do clube em Laranjeiras. Uma das reclamações   é com o técnico Fernando Diniz. O grupo disse que o Flu “vai virar o inferno”, em tom de ameaça.

Outro que foi bastante criticado foi o meia-atacante Douglas Costa, que não fez uma boa partida contra o Cruzeiro, na qual o time carioca foi derrotado por 2 a 0, em Belo Horizonte.  Através das redes sociais, torcedores escreveram frases como “fora sub-40”, em alusão a grande quantidade de atletas com idades avançadas.

A situação do clube não é boa no Brasileirão. O time de Diniz é o lanterna do torneio com somente seis pontos conquistados de 30 possíveis. É o pior início do Fluminense na história dos pontos corridos e possui uma vitória, três empates e seis derrotas. Apesar disso, o Tricolor se classificou em primeiro lugar de seu grupo na Libertadores da América.

Há uma semelhança notável entre 2024 e 2008, quando a equipe foi campeã e vice da Libertadores. O clube somou a mesma quantidade de pontos, e a única diferença é no saldo de gols. Atualmente o Fluminense conta com menos oito, enquanto há 15 anos era de quatro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O Fluminense volta a campo no domingo (23), para enfrentar nada mais nada menos que o Flamengo, no Maracanã, pela 11ª rodada do Brasileirão. Segundo informações divulgadas pelo Globo Esporte, o cargo de Diniz não está em jogo. Ele tem contrato até o final do ano que vem.