TJD bateu o martelo e decidiu ANULAR jogo do Paulistão 2024 após trapalhada

A 135ª edição do Campeonato Paulista, considerado por muitos como o principal estadual do futebol brasileiro, se iniciou no último mês prometendo grandes emoções aos torcedores paulistanos. Após seis rodadas disputadas, o torneio apresenta boas campanhas de Santos, São Paulo e Palmeiras e péssimos resultados do Corinthians.

Mas, enquanto a primeira divisão permanece à todo vapor dentro das quatro linhas, a Série A3 do Paulistão teve de resolver uma curiosa questão nos tribunais. Nesta quinta-feira, dia 8, o Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP) anulou a partida entre Grêmio Prudente e Catanduva graças a um erro nas substituições.

Na reta final do encontro, o Catanduva tinha apenas mais uma substituição para realizar, mas o técnico Ivan Canela fez duas alterações simultâneas, sendo a quinta delas a entrada do experiente Thiago Ribeiro, dono de passagens por São Paulo, Cruzeiro, Atlético-MG e Santos, que viria a marcar o gol da vitória minutos depois.

“Informo que aos 79 minutos de jogo foi realizada no mesmo ato uma substituição para a equipe Catanduva Futebol Clube, sendo a substituição do número 17, Nathan dos Santos Custódio, no lugar do número 8, Pedro Demarchi, sendo essa a sexta substituição da equipe visitante”, relatou o árbitro responsável pela partida.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Julgando o caso, o TJD decidiu pela anulação do resultado inicial de vitória do mesmo Catanduva. Em nota oficial, o Grêmio Prudente informou que o órgão “reconheceu o erro de direito e decidiu pela anulação da partida impugnada, que será remarcada, ainda sem data definida”.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.