Tiago Carpini terá a chance de rebaixar o Corinthians no Paulistão

Passando por um momento de transição de gestão, o Corinthians começou 2024 ainda pior do que no final do ano passado. A equipe não está bem, e os resultados negativos começam a gerar ainda mais cobranças da torcida.

O presidente eleito Augusto Melo terá uma missão complicada em meio as dívidas do clube, que chegam a cifras altíssimas. Mediante a isso, também tem sua parcela de influência no que acontece dentro de campo.

Depois de mais uma derrota, o mandatário optou por demitir o técnico Mano Menezes, que foi contratado em setembro como substituto de Vanderlei Luxemburgo. Não conseguiu ter um bom desempenho, e teve a demissão confirmada nesta segunda-feira (5). Agora, o clube corre contra o tempo para anunciar um novo treinador. 

Enquanto isso, o desempenho é abaixo do esperado. Neste Campeonato Paulista, o time do Parque São Jorge acumulou apenas uma vitória, na estreia diante do Guarani, por 1 a 0, na Neo Química Arena. Desde então, perdeu para o Ituano, São Bernardo e para o São Paulo, que conseguiu quebrar o tabu em Itaquera ao vencer por 2 a 1, graças aos gols de Jonathan Calleri e Luiz Gustavo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

E neste domingo (4), enquanto os tricolores celebravam a conquista da Supercopa do Brasil, os corintianos somaram mais uma derrota. O Novorizontino foi a Neo Química Arena e venceu por 3 a 1.

Situação do Corinthians é preocupante

O Corinthians é o lanterna do Grupo D, com apenas três pontos. O líder é o Red Bull Bragantino, com sete. Vale destacar que os dois piores times do torneio acabam rebaixados para a Série A2. O clube precisa abrir o olho.

Até porque na última rodada, o Alvinegro encara o Água Santa, equipe que está em segundo lugar no Grupo B, com sete pontos, três atrás do Palmeiras. Apesar de estar no SPFC, Thiago Carpini tem uma parcela de crédito pelo ótimo trabalho no time de Diadema, que pode rebaixar o Corinthians na última rodada.