Se recusou a vir para o São Paulo pra ir pro Nordeste e quebrou a cara feio

O São Paulo encerrou a temporada de 2023 em grande estilo. A equipe que até então estava desacreditada garantiu vaga na Libertadores do ano que vem após levantar a Copa do Brasil pela primeira vez em sua história. E em clima de final de ano, porque não lembrar uma transferência que o Tricolor acabou levando a melhor no final das contas?

Ainda antes do início do ano, Rogério Ceni entrou em acordo para reformular o elenco junto a diretoria. Logo após a eliminação no Campeonato Paulista, o SPFC buscou a contratação do zagueiro Schappo, que havia sido destaque no Estadual defendendo as cores do Ituano.

O plano de Ceni era utilizá-lo com um terceiro zagueiro, esquema que o time usou muito em 2022. De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Alexandre Zanquetta, ele testou os limites do clube, que acabou desistindo de sua contratação, fechando com o Fortaleza posteriormente.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Contudo, o SPFC acabou levando a melhor na história toda. Isso  porque o zagueiro sequer jogou com a equipe comandada por Juan Pablo Vojvoda, e está em baixa na capital cearense

“Schappo tinha uma proposta de R$ 2 milhões na mão do São Paulo e pediu R$ 12 mi. Quando o SPFC desistiu, o jogador fechou pelos mesmos R$ 2 mi com o Fortaleza.

Considerado e taxado como “chapéu” do time nordestino, Schappo chegou ao Leão e apesar de terem enchido a boca para falar de terem ganhado o negócio, o jogador nem pisou em campo”, comentou Zanquetta.

Schappo foi emprestado e jogará o Paulistão em 2024

Com poucos minutos pelo Fortaleza, Schappo irá jogar em outro clube em 2024. De acordo com divulgação do portal Globo Esporte, o Botafogo-SP já acertou sua contratação. Ou seja, ele poderá jogar contra o São Paulo na próxima edição do Campeonato Paulista, que inicia na metade de janeiro.