São Paulo termina fevereiro com retrospecto ruim, mas com título

Depois de iniciar o ano com três vitórias e um empate no mês de janeiro, o São Paulo viveu um fevereiro repleto de emoções. Em uma verdadeira montanha russa, o time de Thiago Carpini iniciou o mês com o inédito título da Supercopa do Brasil sobre o arquirrival Palmeiras, mas também conheceu suas primeiras derrotas no ano.

Após levantar o inédito troféu em Minas Gerais e bater o Água Santa pelo placar de 3 a 0, o São Paulo acumulou uma incômoda sequência de quatro jogos sem vitórias, contando com as inesperadas derrotas para a Ponte Preta, em Campinas, e para o Santos, no Morumbis.

Conhecendo seus primeiros tropeços no comando técnico são-paulino, Carpini ainda somou empates contra RB Bragantino e Guarani e teve de conviver com uma grande crise nos bastidores após o pedido do meia James Rodríguez para sair do clube. O motivo? Justamente a falta de oportunidades dadas pelo treinador.

Semanas depois, o colombiano voltou atrás e foi reintegrado ao elenco. Curiosamente, James foi um dos principais nomes na vitória que encerrou a sequência negativa ao marcar um dos gols no 3 a 0 sobre a Inter de Limeira. Assim, o São Paulo encerrou o mês com 42,85% de aproveitamento, com 9 gols marcados e seis sofridos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre os resultados do São Paulo em fevereiro

  • 04/02: Palmeiras 0 (2) x (4) 0 São Paulo – Supercopa Rei
  • 07/02: São Paulo 3 x 0 Água Santa – 6ª rodada do Paulistão
  • 10/02: Ponte Preta 2 x 0 São Paulo – 7ª rodada do Paulistão
  • 14/02: São Paulo 0 x 1 Santos – 8ª rodada do Paulistão
  • 17/02: São Paulo 2 x 2 RB Bragantino – 9ª rodada do Paulistão
  • 25/02: Guarani 1 x 1 São Paulo – 10ª rodada do Paulistão
  • 28/02: Inter de Limeira 0 x 3 São Paulo – 5ª rodada do Paulistão

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.