São Paulo recebe notícia INCRÍVEL e fica prestes a ser campeão da Sul-Americana

Na busca do bicampeonato da Copa Sul-Americana, o São Paulo realizou uma primeira fase praticamente irretocável. Em seis jogos contra Tigre, da Argentina, Puerto Cabello, da Venezuela, e Tolima, da Colômbia, o Tricolor acumulou cinco vitórias e apenas uma derrota. Ao todo, foram 13 gols marcados e nenhum sofrido.

Classificado de forma direta para as oitavas de final da competição, o clube tem um amuleto no banco de reservas para continuar sonhando em levantar a taça continental: Dorival Jr. Nesta terça-feira, dia 27, o experiente treinador chegou ao seu 17º jogo seguido em competições internacionais sem conhecer o sabor da derrota.

Desde que chegou ao São Paulo, no fim do mês de abril, Dorival venceu três jogos e empatou um dentro da Copa Sul-Americana. A sequência se junta a invencibilidade construída por Ceará e Flamengo na última temporada. Pelo Vozão, foram seis vitórias na fase de grupos da Sula. Já pelo Rubro-Negro, foram mais sete triunfos até o título da Libertadores.

“São dez jogos sob meu comando, nove deles com vitória e um empate apenas. Se acrescentarmos as sete partidas da Libertadores, são 16 vitórias e um empate. Três gols tomados apenas. Pra mim, tem uma importância muito grande essas competições. Vamos trabalhar muito pra que esses resultados continuem”, comentou Dorival em entrevista.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Última derrota de Dorival foi em março de 2020

Ostentando 17 jogos seguidos sem derrota em torneios internacionais por Ceará, Flamengo e São Paulo, Dorival Jr. foi derrotado pela última vez em março de 2020, quando ainda comandava o Athletico-PR. Na Libertadores daquele ano, o técnico foi superado pelo Colo-Colo, do Chile.

A partida, válida pelo Grupo C, terminou em 1 a 0 para os chilenos com gol do atacante Pablo Mouche, dono de curta passagem pelo Palmeiras. Curiosamente, o goleiro Jandrei, atualmente comandado por Dorival no São Paulo, foi expulso pelo árbitro Nicolás Gallo.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.