São Paulo pode ser obrigado a comprar Michel Araújo

Sem espaço no elenco do Fluminense, o meia Michel Araújo buscou respirar novos ares e tornou-se um dos muitos reforços do São Paulo para a atual temporada. Agora campeão da Copa do Brasil pelo Tricolor do Morumbi, o uruguaio poderá ser comprado de forma definitiva se atingir duas metas estabelecidas no contrato por empréstimo.

Cedido ao São Paulo até dezembro do próximo ano, o jogador de 26 anos tem obrigação de compra estipulada em contrato caso participe de 60% dos jogos com no mínimo 45 minutos em campo nas duas temporadas ou participe de 60% dos minutos da soma dos jogos da temporada de 2024.

Se Michel Araujo cumprir uma das metas, o São Paulo será obrigado a desembolsar US$ 2 milhões (R$ 9,8 milhões na cotação atual) para tê-lo de forma definitiva. Antes disso, o clube pode optar por contratá-lo por US$ 1,5 milhão (R$ 7,4 milhões), outro detalhe previsto no contrato firmado com o Fluminense em abril deste ano.

Próximo de completar seis meses como atleta do São Paulo, Michel Araujo não se firmou como titular da equipe. No entanto, tem se mostrado importante peça dentro do elenco. Já são 37 jogos disputados, com três gols marcados, um deles sobre o Sport Recife na campanha vitoriosa da Copa do Brasil, e três assistências distribuídas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Outro emprestado pelo Fluminense será comprado

Enquanto Michel Araujo tem gatilhos previstos em contrato para se tornar jogador do São Paulo, o lateral-esquerdo Caio Paulista tem tudo para ser adquirido de forma definita antes mesmo da atual temporada se encerrar. Titular absoluto sob o comando de Dorival Jr., o jogador será comprado pelo Tricolor nos próximos meses.

Emprestado até dezembro, Caio tem cláusula de opção de compra fixada em R$ 20 milhões por 80% de seus direitos econômicos. Em recente entrevista, o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, confirmou a intenção de acionar a cláusula em breve.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.