São Paulo pode mandar 3 jogadores embora: decisão ficou pra Zubeldía

O São Paulo segue em busca de reforços para a próxima janela de transferências, que se abre em julho. O Tricolor não deve gastar valores altos em contratações, e espera as chamadas oportunidades de mercado, ou seja, fechar com jogadores a baixo custo ou que estão em fim de contrato com outras equipes.

De olho em algumas opções, o técnico Luis Zubeldía receberá três “reforços” nas próximas semanas. Na verdade, são atletas que pertencem ao São Paulo mas que estavam emprestados neste período. São eles: Igor Liziero, Jhegson Méndez e Luis Orejuela. De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Jorge Nicola, a permanência dos três será decidida pelo treinador argentino.

Liziero esteve emprestado ao Yverdon, da Suíça, e disputou 29 jogos, acumulando três gols e mais cinco assistências. Seu contrato com o clube encerra em dezembro e o SPFC ficou de avaliar se vale a pena emprestá-lo para outro clube ou rescindir o contrato. Entretanto, existe a possibilidade de Zubeldía o testar e mantê-lo no elenco se o São Paulo não avançar na busca por um volante, uma vez que Pablo Maia está machucado.

Situações de Jhegson Méndez e Orejuela

Méndez foi contratado no começo do ano passado e chegou com status de titular do Equador na última Copa do Mundo. Apesar de ter sido titular com Rogério Ceni, perdeu o espaço sob o comando de Dorival Júnior e foi emprestado ao Elche, da segunda divisão da Espanha.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O equatoriano não foi bem e sequer foi relacionado por meses na equipe espanhola. Acabou sendo titular nas últimas três partidas da equipe, suas únicas pelo clube. Ele é outro que será testado por Zubeldía. Possui contrato até o final de 2025, ou seja, pode ser emprestado ou até mesmo vendido.

Por fim, o lateral-direito Luis Orejuela é outro que defendeu outra equipe por empréstimo. Disputou 18 partidas pelo Independiente Medellín, da Colômbia, e não marcou gol ou assistências. Era titular e possui contrato com o São Paulo até março de 2025.