São Paulo não perdeu tempo e assinou com o 10ª melhor zagueiro do mundo

A temporada do São Paulo terminou da melhor maneira possível. O Tricolor foi campeão inédito da Copa do Brasil, e garantiu uma vaga na Libertadores da América de 2024, fora o dinheiro em premiações e bilheterias.

Além disso, outro destaque positivo foi a contratação do goleiro Rafael, que pertencia ao Atlético-MG. O atleta chegou sob desconfiança da torcida,uma vez que nunca havia de fato sido um arqueiro titular em sua carreira. Além do Galo, também atuou muitos anos como reserva de Fábio, no Cruzeiro.

O atleta chegou e logo tomou conta da posição, desancando Felipe Alves e Jandrei e assumiu a titularidade. Atuou em 66 partidas na temporada (maior marca de sua carreira), tendo sofrido 54 gols no total.  Destes jogos, não foi vazado em 32 deles, feito incrível que só foi conquistado por Rogério Ceni, Zetti, Waldir Peres e Sérgio Valentim pelo SPFC.

Rafael é destaque internacional

Além disso, se tornou um dos protagonistas da conquista inédita da Copa do Brasil, resolvendo o problema no gol que durava desde a aposentadoria de Rogério Ceni, em 2016. O prestígio é tanto que ele foi eleito o 10° melhor goleiro da temporada, de acordo com estudo realizado pelo  CIES Football Observatory.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O ranking é feito com base nos goleiros que tiveram resultados positivos na temporada levando em conta o tempo de jogo, vitórias, títulos e  nível dos torneios disputados. O líder foi Ederson, do Manchester City, que acumula passagem pelas categorias de base de Cotia. Ter Stegen, do Barcelona, e Emiliano Martínez, do Aston Villa, fecham o top-3.