São Paulo garantiu o reforço mais pesado do Brasil em 2024 e irritou rivais

Os últimos dias do mês de janeiro reservaram uma grande novidade para o torcedor do São Paulo. Visando modernizar toda a sua estrutura de viagens ao longo do ano, o Tricolor anunciou um acordo, válido pelas próximas duas temporada, com a Sideral Linhas Aéreas, empresa especializada em fretamento de voos.

A nova parceria são-paulina prevê um total de 28 voos ao longo de 2024, ano que contará com o retorno do São Paulo a disputa da Copa Libertadores após três temporadas. A estreia do acordo aconteceu poucas horas após o anúncio, com o elenco comandado por Thiago Carpini viajando para enfrentar o Mirassol pelo Paulistão.

Tanto na primeira viagem do ano quanto na ida para Belo Horizonte no início de fevereiro, quando bateu o Palmeiras na grande decisão da Supercopa do Brasil, o São Paulo utilizou um modelo de aeronave Boing 737 Next-Generation, que comporta até 180 passageiros. Já a partir de abril, o “avião tricolor” será outro.

A empresa disponibilizará uma outra aeronave adaptada com 64 assentos executivos, o que dará mais conforto aos atletas e possibilitará até mesmo a realização de tratamentos durante os voos. Com a nova parceria, o São Paulo tem previsão de reduzir em até 15% os gastos com voos comerciais em relação a 2023.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Já nos gastos totais com logística, a expectativa é de que a redução seja de até 23% em hospedagem e deslocamentos, já que o elenco são-paulino sempre voltará para São Paulo logo após as partidas. Para celebrar o acordo, a Sideral adesivou o avião com o emblema do clube e oferecerá outras personalizações na parte interna.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.