São Paulo encontrou uma nova forma de motivar seus jogadores

Campeão da Copa do Brasil do ano passado e da Supercopa Rei deste ano, o São Paulo, ao que parece, retomou o caminho dos títulos após uma década (2010-2020) muito sombria na história do clube.  Diante disso, o clube não esconde que seu principal o motivo em 2024 é levantar o tetracampeonato da Libertadores da América. Por sinal, pode se tornar o primeiro e único brasileiro a atingir tal feito.

Apesar de ser o posto mais alto que o Tricolor quer alcançar, a ideia é não deixar outras competições “de lado”. A estratégia utilizada nos últimos anos, quando o SPFC priorizou as copas e acabou o torneio de pontos corridos em posições abaixo do esperado pela diretoria e torcedores. 

A atitude acabou dividindo opiniões. Por um lado, deu certo quando acabou ganhando a Copa do Brasil. Do outro, acumula dois vices (Sul-Americana e Paulistão em 2022) e a não classificação para a Libertadores via Brasileiro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Em participação na live do canal no Youtube dos jornalista Arnaldo Ribeiro e Eduardo Tironi, o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, falou sobre a estratégia de motivação do plantel. Ele revelou que o Tricolor deve dar mais atenção ao Campeonato Brasileiro nesta temporada. Diante disso, a diretoria preparou algumas premiações para os jogadores do elenco.

“Eu criei uma premiação para os atletas que eles sempre recebem quando terminamos as rodadas do Brasileiro entre os seis primeiros. Isso foi decidido antes do começo do campeonato. Além disso, quando vencermos em casa ou quando empatarmos ou vencermos fora, com valores diferentes, também tem uma premiação estipulada que é acumulativa até o final do ano”, revelou Belmonte.