São Paulo deve repetir o caso Luizão e perder mais um zagueiro de graça

Como não é de hoje o São Paulo continua valorizado nas categorias de base de Cotia, uma das mais respeitadas não só do Brasil, e sim do mundo. Diante disso, faz parte da cultura do clube dar chances às joias da casa.

Um dos nomes que surgiram neste ano foi o zagueiro Matheus Belém. O defensor fez uma boa Copa São Paulo de Futebol Júnior, e foi chamado para compor o elenco no Campeonato Paulista pelo então técnico Rogério Ceni, devido às necessidades da posição.

Conforme os lesionados da posição foram se recuperando, Belém ficou sem espaço. Alguns nomes estavam muito à frente da cria Cotia, como Arboleda, Beraldo, Alan Franco e Diego Costa, sem contar o próprio Ferraresi, que ficou afastado até recentemente por grave lesão.

Voltou a atuar pelo Brasileirão, mas em apenas duas partidas. Diante disso, segue indefinido para 2024. Isso porque ele possui contrato até o início do ano que vem, e pode deixar o Morumbi a custo zero em breve.

Diante disso, ele pode seguir um caminho parecido com Luizão. O zagueiro havia sido promovido em 2022, e chegou a atuar em partidas importantes pelo Tricolor. Contudo, se recusou a renovar e assinou com o West Ham, da Inglaterra. 

SPFC quer renovar com Belém

De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Alexandre Zanquetta, o Tricolor quer renovar o contrato de Belém. Contudo, passa por alguns entraves, já que o jovem quer ter mais oportunidades, e a defesa parece estar bem definida no momento.

“O zagueiro Matheus Belém, é um dos pontos de incógnita para 2024. Com contrato perto do fim, sendo hoje a 8a opção de Dorival Jr para a zaga e sem espaço, o São Paulo oferece renovar e emprestar”, disse.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Além disso, o desejo de Dorival Júnior atrapalha o garoto, já que o treinador quer realizar uma redução no elenco. Diante disso, o São Paulo entra em uma situação complicada com o jogador, pois não quer perdê-lo de graça. Logo, a tendência é que Matheus Belém se despeça do Morumbi em breve.

“O garoto quer ficar e jogar, algo que é incompatível com a redução de plantel. Sem essa possibilidade, Matheus Belém hoje acena com sair, o São Paulo libera e fica com um porcentual do atleta além do mecanismo de solidariedade da FIFA. Dificilmente deve mudar. Belém teve proposta em 2023 para jogar na 2a Divisão de Portugal, mas Ceni precisou dele e ele jogou o Paulista. Depois, Dorival optou por outros nomes de garotos e ele foi perdendo espaço.De momento, a situação é esta. E de fato, no São Paulo em 2024, ele não joga”, finalizou Zanquetta.