São Paulo deixa a desejar entre os times do Brasileirão e números preocupam

O início de temporada do São Paulo tinha tudo para ser caótico após a saída de Dorival Júnior rumo a Seleção Brasileira. Contudo, o técnico Thiago Carpini conseguiu iniciar bem o ano, vencendo dois jogos importantes. Primeiro, bateu o Corinthians, em Itaquera, e quebrou o tabu de nunca ter vencido na Neo Química Arena. Depois, venceu o Palmeiras,nos pênaltis, e se tornou campeão da Supercopa do Brasil.

Depois dessas duas partidas, o entendimento de uma parte da torcida é que o time deu uma “desacelerada”, e está sofrendo mais do que o normal na fase defensiva do campo, o que implica em mais gols tomados.

De acordo com um levantamento realizado pelo portal Torcedores, o Tricolor possui somente a 17° defesa entre os times que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro. No caso, tomou seis gols em sete partidas disputadas.

O Palmeiras é o 11°, com cinco sofridos em seis jogos. Por outro lado, o Corinthians amarga a última colocação do ranking, acumulando nove gols concedidos em oito duelos disputados.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A melhor defesa entre todos os clubes da Série A pertence ao Flamengo, que foi vazado em apenas uma ocasião. Sob o comando de Tite, o time encontrou um equilíbrio entre o ataque e a defesa. O único gol sofrido foi no empate em 1 a 1 diante do Nova Iguaçu, pela segunda rodada do Campeonato Carioca. Vale lembrar que na ocasião, o time entrou com os reservas.

A segunda melhor defesa do país pertence ao Cruzeiro, que sofreu dois gls em quatro partidas até o momento. Internacional e Athletico-PR dividem o pódio com três gols em oito partidas.

Defesas dos times da Série A do Brasileirão

  • Flamengo – 1 gol sofrido (7 jogos)
  • Cruzeiro – 2 gols sofridos (4 jogos)
  • Internacional – 3 gols sofridos (8 jogos)
  • Athletico-PR – 3 gols sofridos (8 jogos)
  • Grêmio – 4 gols sofridos (8 jogos)
  • Botafogo – 5 gols sofridos (8 jogos)
  • Juventude – 5 gols sofridos (8 jogos)
  • Fluminense – 5 gols sofridos (8 jogos)
  • Fortaleza – 5 gols sofridos (7 jogos)
  • Criciúma – 5 gols sofridos (7 jogos)
  • Palmeiras – 5 gols sofridos (6 jogos)
  • Atlético-MG – 5 gols sofridos (5 jogos)
  • Vitória – 6 gols sofridos (9 jogos)
  • Atlético-GO – 6 gols sofridos (8 jogos)
  • Bahia – 6 gols sofridos (8 jogos)
  • Red Bull Bragantino – 6 gols sofridos (8 jogos)
  • São Paulo – 6 gols sofridos (7 jogos)
  • Cuiabá – 6 gols sofridos (6 jogos)
  • Vasco – 7 gols sofridos (8 jogos)
  • Corinthians – 9 gols sofridos (8 jogos)