São Paulo decide dar bônus para os funcionários

Ainda no começo de fevereiro, o São Paulo bateu o Palmeiras, nos pênaltis, e se tornou campeão da Supercopa Rei, torneio de final única disputado entre o campeão da Copa do Brasil e do Campeonato Brasieir. A partida ocorreu no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

Por conta da conquista histórica, o clube decidiu beneficiar seus funcionários com um bônus em dinheiro. Segundo a Gazeta Esportiva, parte da premiação foi destinada ao pagamento dos profissionais do clube, mesma ação feita após o título da Copa do Brasil no ano passado.

A iniciativa partiu do presidente Julio Casares, como uma forma singela de agradecimento pelos serviços prestados nos últimos anos. Todos contribuem de alguma forma para o sucesso do clube.

Vale lembrar que os jogadores também receberam o tradicional “bicho” pela conquista em cima do rival. Parte do valor embolsado da Conmebol, que doou 1 milhão de dólares (cerca de R$ 5 milhões) aos outros funcionários do clube.

Além da bonificação da Conmebol, o São Paulo também recebeu mais R$ 5,5 milhões da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) por marcar presença na final. Ou seja, no total, o Tricolor voltou para a capital paulista com mais de R$ 10 milhões em sua conta bancária.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Com três títulos sob o mandato de Casares, Tricolor busca a Libertadores

Esta foi a terceira conquista do São Paulo na gestão de Julio Casares, que teve início em 2021. De lá para cá, o clube levantou as seguintes taças: Campeonato Paulista (2021),  Copa do Brasil (2023) e Supercopa (2024).

Como os próprios dirigentes já deixaram claro, o principal objetivo do SPFC nesta temporada é a conquista da Libertadores da América. A última vez que o clube participou do torneio mais importante do continente foi em 2021. O SPFC busca ser o primeiro time brasileiro a levantar o troféu em quatro oportunidades.