São Paulo coloca data limite para trazer Alex Sandro

O São Paulo está de olho em novas oportunidades no mercado, e um dos nomes favoritos é o lateral-esquerdo Alex Sandro. O jogador está livre no mercado desde sua saída da Juventus, da Itália, e pode assinar a custo zero com o Tricolor nos próximos dias.

Em entrevista ao programa Energia 97, o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, falou sobre a situação do clube no mercado e nas conversas com Alex Sandro. Segundo ele, o técnico Luis Zubeldía quer o lateral e já aprovou sua contratação

“Zubeldia quer intensidade e o Alex Sandro se encaixa nisto. Antes, tinhamos o Rafinha construindo e o Caio jogando mais avançado. Se o Alex Sandro chegasse, ele seria o construtor e o Igor Vinícius seria o mais avançado. Além disto, ele pode fazer uma linha de 3 e como o Ferreirinha é muito agudo, ele não precisa subir tanto”, iniciou.

O grande “porém” é que Alex Sandro sempre deixou claro que seu desejo é de continuar na Europa. Caso ele não receba nenhuma oferta vantajosa, dará preferência ao São Paulo. Diante disso, o Tricolor deu um prazo para as negociações com o lateral.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“De todo modo, ele não chega mesmo na linha de fundo, não é a mesma característica do Welington, uma reposição direta, é outra forma de atuar. – Temos até quinta ou sexta como limite de espera por ele”, revelou Belmonte.

Belmonte falou sobre opções na lateral

Além de Welington, que é titular absoluto e deve sair por conta do fim de contrato (em dezembro), o elenco conta com os jovens Patryck e Rikelme, ambos também criados nas categorias de base de Cotia.  Vale lembrar que não se sabe se Welington deixará o clube nesta janela ou ao término da temporada.

“O Patryck e o Rikelme, em caso de chegada do Alex Sandro, são os jogadores que a gente aposta para compor com ele por uma questão de hierarquia. Isto se o Welington sair antes, hoje não temos nenhuma informação oficial de que ele assinou com nenhum outro clube e isto é uma questão legal, pelas regras da FIFA precisam nos informar e até agora, ninguém nos informou nada”, finalizou Belmonte.