São Paulo bate o martelo e define futuro de Diego Costa

Sem mais jogos na temporada, o São Paulo tem apenas uma concentração: a janela de transferências. A diretoria comandada pelo presidente Julio Casares quer aumentar ainda mais o nível do plantel campeão da Copa do Brasil.

Entretanto, algumas saídas são esperadas, que a pedido do técnico Dorival Júnior, o Tricolor deve “enxugar” o elenco, se despedindo de algumas peças que não deverão ser utilizadas em 2024.

Um dos nomes que chegou a ser cogitado para sair é o do zagueiro Diego Costa, cria das categorias de base de Cotia. Havia um interesse do Grêmio no jogador, a pedido do próprio Renato Portaluppi.

Sem dinheiro para pagar uma taxa de transferência do zagueiro, a diretoria gaúcha teria proposto uma troca por Ferreirinha, um dos principais alvos do São Paulo para esta janela de transferências. Apesar de ser importante, Diego não é titular absoluto, já que Lucas Beraldo e Arboleda estão à sua frente na rotação de Dorival.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Diego Costa está nos planos do São Paulo para 2024

Apesar disso, o São Paulo vetou qualquer transferência de Diego para o futebol brasileiro, e o defensor de 24 anos só será vendido em caso de boa proposta do futebol europeu. A informação foi divulgada pelo jornalista Alexsander Vieira.

“Diego Costa faz parte dos planos do São Paulo para a próxima temporada e o próprio jogador quer ficar e só saíra mediante uma boa oferta no futebol europeu. Não será envolvido em troca ou negociado com o Grêmio”, publicou o jornalista, através de sua conta oficial no X (antigo Twitter).

Diego é tão importante para a equipe que ele foi a primeira opção para substituir Arboleda no segundo jogo da final da Copa do Brasil contra o Flamengo, no Morumbi. Ele conseguiu segurar as investidas rubro-negras junto a Beraldo e ajudaram a dar o título ao SPFC. Nesta temporada, atuou em 31 partidas.