São Paulo assina contrato e está fora do FIFA

Buscando ainda mais acordos comerciais, o São Paulo encaminhou o acerto de uma parceria com a Konami, empresa japonesa desenvolvedora de games e entretenimento. Um dos jogos produzidos pela mesma é o “eFootball”, conhecido mundialmente como PES (Pro Evolution Soccer). A informação foi divulgada pelo jornalista Gabriel Sá.

“O São Paulo encaminhou um acordo com a empresa “eFootball”. O contrato terá duração de 1 ano e renderá aos cofres do clube cerca de R$2 milhões. A parceria prevê ações de marketing integradas com a empresa e exclusividade no segmento de videogames”, divulgou, através de seu X (antigo Twitter).

Apesar de ser uma boa notícia, alguns torcedores ficaram chateados. Isso porque o contrato de exclusividade acaba tirando o São Paulo do EA Sports FC, novo nome para a franquia FIFA. O acordo da EA (Eletronic Arts) com a entidade terminou após 28 anos e não foi renovado.

Logo, o Campeonato Brasileiro estará presente no eFootball, que é um game menos jogado em relação ao EA Sports FC. Dito isso, os usuários poderão jogar com Lucas Moura, Calleri e James Rodríguez somente no jogo da Konami. Vale destacar que o SPRC deve estar presente na próxima edição do EA Sports, mas de forma genérica. Ou seja, sem o Morumbis e com jogadores aleatórios.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Mesmo não contando com o Brasileirão, o EA Sports FC possui 30 ligas de todo o mundo, com alguns destaques individuais, como a Premier League (Campeonato Inglês), La Liga (Campeonato Espanhol), Bundesliga (Campeonato Alemão), Série A (Campeonato Italiano) e a Ligue One (Campeonato Francês).

Além disso, conta com a Libertadores da América, Copa Sul-Americana, Champions League, Europa League, Conference League e a UEFA SuperCup.