Salário de Yuri Alberto no Corinthians nos fez rir

Depois de um começo turbulento de temporada, o Corinthians não depende mais de si mesmo para se classificar ao mata-mata do Campeonato Paulista. O clube do Parque São Jorge deve torcer para uma combinação de resultados e, além de tudo, vencer seus jogos.

A fase, por sinal, não é boa há muito tempo. No ano passado, os torcedores reclamaram muito da falta de troféus e eliminações inesperadas. Diante disso, o novo presidente Augusto Melo prometeu mudanças imediatas.

Apesar disso, o clube ainda possui resquícios da gestão passada, comandada por Duílio Monteiro Alves. Uma delas é o salário exorbitante de Yuri Alberto, um dos jogadores mais criticados do elenco pela torcida.

De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Jorge Nicola, através do portal R7, o atacante recebe cerca de R$ 1,7 milhão por mês. Destes, R$ 1,4 milhão são registrados em carteira (CLT).

Nicola divulga salários do Corinthians

O salário mais alto de todo o elenco corintiano é o de Igor Coronado, recém-contratado pelo clube. O meia brasileiro recebe cerca de R$ 2 milhões mensais, enquanto Augusto Melo diz que os valores são menores. Matías Rojas, outra contratação que até agora não deslanchou, tem o salário de R$ 1,1 milhão segundo Nicola.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Paulinho, volante que está afastado por lesão desde o ano passado, recebe R$ 1,5 milhão, enquanto Cássio e Fagner, dois dos principais líderes do time, embolsam R$ 600 mil e R$ 720 mil, respectivamente. “Na carteira, Cássio ganha R$ 600 mil, enquanto Fagner fatura R$ 720 mil. Só que o Corinthians deve quantias milionárias a ambos pelos direitos de imagem e repactuou as dívidas. Desta maneira, os custos deles batem R$ 1,2 milhão”, completa Nicola.