Rogério Ceni ficou revoltado após Neymar fazer jogada banida

Considerado o principal estadual do futebol brasileiro na atualidade, a 123ª edição do Campeonato Paulista se inicia neste sábado (20) com oitos confrontos que movimentarão o estado mais rico do país. Sonhando com seu 23º título do torneio, o São Paulo estreia contra o Santo André no Morumbis às 20h (de Brasília).

Com muita história para contar ao longo dos anos, o Paulistão guarda alguns episódios curiosos envolvendo grandes ídolos do Tricolor. Em 2010, por exemplo, o ex-goleiro e agora técnico Rogério Ceni comprou briga ao vivo na televisão após Neymar, então jovem promessa do Santos, se utilizar de uma “paradinha” na cobrança de um pênalti.

Saindo para os vestiários da Arena Barueri com o placar em 1 a 0 para o rival, Ceni não poupou críticas a “artimanha” do atacante: “Falei para ele aproveitar, porque só no Brasil dá para fazer essaa coisas. Paradinha não, é um paradão. Mas aqui pode, né. Aqui no Brasil pode. Então eu falei para ele aproveitar e fazer”. Relembre:

Mesmo criticando o lance, o então goleiro do São Paulo elogiou o jovem após o repórter da Rede Globo indagá-lo se Neymar teria sido “abusado” na cobrança: “Abusado não, ele tem qualidade, é um jogador muito técnico. Ele merece tudo o que tá envolvendo o nome dele, porque ele é um jogador diferenciado”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

No fim daquele encontro, o Santos levaria a melhor pelo placar de 2 a 1, com Robinho, ídolo santista, marcando o gol da vitória em seu retorno ao clube após seis anos. Comandado por Dorival Jr., o Peixe acabaria campeão estadual e da Copa do Brasil naquela temporada.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.