Rodrigo Caio foi detonado no São Paulo pela mesma atitude de CR7

A 5ª rodada do Grupo E da Liga dos Campeões da Ásia promoveu o encontro entre os sauditas do Al-Nassr, equipe do astro Cristiano Ronaldo, e os iranianos do Persepolis. E o português roubou a cena, mesmo com o empate por 0 a 0, ao protagonizar uma cena já vista em um clássico entre São Paulo e Corinthians no Paulistão de 2017.

Logo no início da partida, o craque recebeu passe dentro da área e caiu no chão após disputa com o zagueiro. Sem pensar duas vezes, o árbitro responsável pelo encontro sinalizou pênalti para os donos da casa. Levantando rapidamente, Cristiano sinalizou que não sofreu a falta e recebeu elogios por parte dos adversários.

Mesmo com a indicação do jogador, o árbitro da partida foi ao VAR para rever o lance e só assim anulou a marcação inicial. A atitude do português foi louvada por grandes veículos de comunicação e também por grande parte de seus fãs. Algo bem diferente do que aconteceu com o zagueiro Rodrigo Caio pelo São Paulo.

Há seis anos, em partida válida pela semifinal do Campeonato Paulista, o defensor foi responsável pelo cancelamento de um cartão amarelo para o atacante Jô, então no Corinthians, após assumir a culpa por uma trombada com o goleiro Renan Ribeiro. O ato de fair play foi bastante criticado dentro do clube à época

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Rodrigo Caio Sao Paulo x Corinthians 1

O zagueiro acusou o Tricolor de não lhe dar o suporte ideal para o momento. Meses depois, após tornar-se presença constante no banco de reservas no comando do uruguaio Diego Aguirre, declarou que “se tornou menos são-paulino” após a passagem do técnico pelo clube.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.