Reviravolta acontece e jogador de R$ 440 milhões vira reforço de Dorival no São Paulo

Logo após a virada do ano, inicia-se mais uma edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Como nas edições passadas, o São Paulo é um dos principais favoritos a conquistar o título, uma vez que a base de Cotia é uma das mais fortes não só do Brasil, e sim da América e do mundo. 

Ao contrário dos últimos anos, o Tricolor não deve ir com força máxima para o torneio, uma vez que a grande estrela da base não disputará a Copinha. Trata-se do atacante William Gomes.

O jovem de 17 anos impressionou a comissão técnica de Dorival Júnior durante seu período entre os profissionais, e deverá continuar treinando no CT da Barra Funda após as férias. A informação foi divulgada pelo jornalista Lucas Lima.

“William Gomes que em um primeiro momento estava cotado (e na lista) para atuar na Copinha NÃO jogará. Determinação tanto da diretoria quanto comissão técnica. Jogador segue com elenco profissional na reapresentação no CT da Barra Funda do próximo dia 6/01”, publicou o jornalista através do X (antigo Twitter). 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Visto como uma das maiores joias do clube, William Gomes tem multa milionária

Com apenas 17 anos de idade, o jovem assinou seu primeiro contrato profissional com o Tricolor, válido até fevereiro de 2026. Ele era titular absoluto do time sub-17, se destacando como um dos principais jogadores. Buscando blindá-lo de propostas da Europa, a diretoria impôs uma multa rescisória  no valor de R$ 440 milhões. 

William fez sua estreia no time profissional no final da temporada, quando atuou contra o Fluminense, no Maracanã, Atlético-MG, no Mineirão, e também contra o Flamengo, no Morumbi.