Revelado porque Messi não foi buscar o The Best da FIFA

Na última segunda-feira (15), a Fifa entregou o prêmio The Best, dado ao melhor jogador da temporada. Na ocasião, o argentino Lionel Messi ganhou o prêmio, mas não compareceu à cerimônia, realizada em Londres, Inglaterra.

A escolha pelo jogador do Inter Miami repercutiu de maneira negativa no mundo do futebol. Apesar de ser o melhor jogador da história para muitos, Messi não foi melhor do que Erling Haaland, por exemplo, atacante do Manchester City que foi fundamental na conquista da tríplice coroa.

No dia seguinte da cerimônia de entrega do prêmio, o jornalista espanhol Guillem Balague, que foi o responsável por escrever a biografia mais conhecida de Messi, comentou sobre a ausência do jogador.

Ele disse que o argentino não compareceu a Londres pois está extremamente focado nesta pré-temporada do Inter Miami na disputa da MLS (Major League Soccer). Uma viagem a outro continente atrapalharia seus planos.

“Messi começou a treinar pelo Inter Miami para 2024, e uma viagem a Londres significaria de três a quatro dias perdidos de preparação. Messi ainda precisa se ajustar ao seu novo calendário de futebol. Ele teve alguns problemas físicos na segunda metade do ano, e agora quer realizar uma pré-temporada completa (algo que ele não teve na última temporada), com seu primeiro jogo sendo disputado já nesta semana”, escreveu, em sua conta oficial no X (antigo Twitter).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O jornalista destacou que Messi também vem se preparando para a disputa da Copa América com a Seleção Argentina, e quer começar a temporada da melhor forma possível junto a seus companheiros. 

“Ele leva a preparação de pré-temporada muito a sério, especialmente em uma temporada muito importante para o Inter Miami, e que ainda terá a Copa América com a seleção da Argentina”, complementou.