Revelado o que Fernando Diniz falou para Luciano

Na noite desta segunda-feira (13), o São Paulo venceu o Fluminense por 2 a 1, de virada, e melhorou sua posição no Campeonato Brasileiro. Depois do time carioca abrir o placar, Bobadilla e Arboleda foram os responsáveis pelos três pontos para os comandados de Luis Zubeldía.

Ainda no primeiro tempo, o atacante Luciano e o técnico Fernando Diniz se envolveram em uma polêmica. Ambos acabaram discutindo à beira do gramado após um lance  em que o são-paulino cobraria um lateral enquanto o zagueiro Manoel estava caído. Ao final do jogo, o atacante foi questionado sobre o que teria acontecido.

“Na hora que o Manoel caiu e eu peguei a bola o Diniz me xingou do nada. Eu pedi para ele não xingar e ele continuou xingando. Depois ele falou que a nossa amizade acabou. Então, se ele acha assim, para mim acabou. Eu jamais xingaria ele na beira do campo“, disse Luciano.

Vale destacar que Luciano e Diniz tinham uma ótima relação desde os tempos de Fluminense. Foi o treinador quem pediu a contratação do atleta para o São Paulo em 2020, ano em que o SPFC quase venceu o Campeonato Brasileiro, muito por conta da atuação do camisa 10.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Ele tem que ver que ele não é mais meu treinador, ele é treinador da equipe adversária. Como o André falou para ele e ele xingou o André também, ele é o líder e não pode fazer isso“, finalizou Luciano ao SporTV.

SPFC fica em boa posição na tabela

A vitória contra o Fluminense serviu para aumentar a sequência invicta de Luis Zubeldía para seis partidas, das quais venceu cinco e empatou uma. O Tricolor atingiu os dez pontos e ocupa o 5° lugar na tabela de classificação. O time está a três do Athletico-PR, líder, e do Bahia, com a mesma pontuação, que ocupa o segundo lugar.