Reforço de R$ 10 milhões é liberado e agora vai ajudar o São Paulo

Em ótima fase com a sequência de vitórias sobre Criciúma, Bahia, Athletico-PR e RB Bragantino, o São Paulo volta à campo nesta quinta-feira (11) para enfrentar o Atlético-MG pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo, que terá a Arena MRV como palco, representará o retorno de uma importante peça para Luis Zubeldía.

Sem atuar desde o fim do último mês, o meia Michel Araújo apresentou uma rápida recuperação em sua lesão no joelho e participou das últimas atividades no CT da Barra Funda. Liberado pelo departamento médico, o uruguaio foi relacionado pelo treinador. Também em junho, Michel foi adquirido pelo Tricolor de forma definitiva.

Michel Araújo aterrissou no Morumbi em março do ano passado indicado por Rogério Ceni e emprestado pelo Fluminense. Desde então, o meia somou 74 jogos, quatro gols e cinco assistências. Para adquirir os direitos econômicos do jogador, o São Paulo se dispôs a pagar a opção de compra presente no contrato de R$ 10,8 milhões.

Boa parte deste valor, porém, foi abatido devido a uma dívida dos cariocas pelo não pagamento da compra do ex-volante Hudson, em 2020, de cerca de R$ 2 milhões. Campeão da Copa do Brasil e da Supercopa Rei, o uruguaio foi bastante elogiado pelo presidente Julio Casares no site oficial do Tricolor após a confirmação do negócio.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“O Michel Araujo é um jogador que desempenhou um importante papel dentro do nosso elenco. A contratação dele é uma ação importante do Clube para mantermos o nosso time competitivo e na busca por importantes conquistas”, disse o mandatário.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.