Real Madrid decide vender jogador e São Paulo pode dar pulos de alegria

Finalista da Liga dos Campeões, o Real Madrid já está pensando na próxima temporada. Com a contratação do francês Kyllian Mbappé, os merengues podem sofrer algumas alterações em seu plantel. Alguns jogadores podem acabar sendo vendidos na próxima janela de transferências, que se inicia em julho.

De acordo com informações divulgadas pelo jornal espanhol “Mundo Deportivo”, o Real Madrid está aberto a ouvir propostas de compra pelo zagueiro Éder Militão. O defensor, que foi titular absoluto nas últimas temporadas, não é mais “intocável” no clube, e pode acabar mudando de ares.

Vale destacar que Militão acabou perdendo praticamente toda a temporada atual por conta de uma grave lesão no joelho, que precisou ser corrigida em um procedimento cirúrgico. Nacho e Rüdiger deram conta do recado e foram os titulares durante este período, além do volante Tchouaméni, que atuou improvisado em diversas ocasiões. Além disso, o Real Madrid também conta com o austriaco David Alaba, que também perdeu parte da temporada por uma lesão no joelho. 

Militão foi contratado pelo Real Madrid depois de boa passagem pelo Porto, de Portugal, clube que defendeu após sua saída do São Paulo. Se tornou titular e venceu a Liga dos Campeões da Europa em 2022. Por sinal, o próprio técnico Carlo Ancelotti chegou a dizer que ele era o melhor zagueiro do mundo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

SPFC pode embolsar grande valor em caso de venda

A notícia é animadora para o Tricolor, que é o clube formador do zagueiro. De acordo com o Blog do São Paulo, o clube detém 2,8% dos direitos econômicos de Militão através do mecanismo de solidariedade da Fifa. Ou seja, caso ele for negociado por 70 milhões de euros (cerca de R$ 399 milhões na cotação atual), que é seu valor de mercado avaliado, o SPFC embolsa algo em torno de R$ 12 milhões.