Quase veio pro São Paulo e hoje está dando MEGA dor de cabeça no Corinthians

Eterno rival do São Paulo, o Corinthians vive uma incrível sequência de crises desde o início da temporada. A bola da vez tem nome e sobrenome: Carlos Miguel. Titular da equipe após a saída do ídolo Cássio para o Cruzeiro, o goleiro de 25 anos se encontra há dias “sem clima” no dia a dia do CT Joaquim Grava e deve deixar o clube.

Tudo começou com uma proposta oficial do Nottingham Forrest, da Inglaterra, ao jogador após a ótima atuação do arqueiro no clássico frente ao São Paulo, terminado em 2 a 2 na Neo Química Arena. Depois do excelente desempenho no Majestoso, Carlos Miguel pediu para não viajar para enfrentar o Athletico ao alegar dores no tornozelo.

O pedido causou uma grande crise no clube do Parque São Jorge. Indignado com a atitude do antigo pupilo, o técnico António Oliveira mudou o tom em entrevista coletiva e afirmou que o goleiro “não joga mais pelo Corinthians”. O português foi ainda mais além e cravou que Carlos Miguel “não vai fazer falta nenhuma” ao time.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Carlos Miguel não joga mais no Corinthians. Já o disse isso. Só está aqui no clube quem quer e faz de forma apaixonada, muitos que hoje estão nesta posição deviam perceber o sonho de muita gente de poder representar um dos maiores clube. Incomodou, incomoda, e o Carlos Miguel não vai jogar mais pelo Corinthians”, afirmou.

Barrado no rival, Carlos Miguel já esteve na mira do São Paulo e quase teve uma passagem pelo Morumbis em 2021. Na ocasião, as boas atuações do jogador pelo Boa Esporte no Campeonato Mineiro chamaram atenção da diretoria são-paulina. O negócio, no entanto, não foi para a frente e ele acabaria no Corinthians meses depois.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.