Presidente dá CBF perde apoio e pode acabar saindo

Em meio a má fase da Seleção Brasileira e duvidas sobre o futuro treinador da equipe, o presidente Ednaldo Rodrigues está em uma situação complicada. De acordo com informações divulgadas pelo jornal O Globo, o mandatário está praticamente sem apoio interno na entidade, já que dos oito vice-presidentes, tres estão ao seu lado.

Rubens Lopes, presidente da Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro), já admitiu que há de fato um problema. Em ofícios enviados ao Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), ao Ministério Público (MPRJ) e também ao próprio Maracanã, ele culpa a CBF pelo incidente entre as torcidas de Brasil e Argentina. 

Além do episódio lamentável que não separou as duas torcidas rivais, Ednaldo Rodrigues também não cumpriu alguns acordos que haviam sido feitos, além de demitir alguns funcionários da CBF e não contratar substitutos. Por exemplo, Junho Paulista se despediu do cargo e a entidade não contratou ninguém em seu lugar, e o cargo de diretor segue vago. 

A principal questão que é questionada internamente é como Ednaldo lidou com a saída de Tite após a Copa do Mundo. A Seleção Brasileira continua sem um comandante quase um ano depois, e ainda não há a certeza de que Carlo Ancelotti assumirá o cargo em junho de 2024, quando seu contrato com o Real Madrid se encerra.  Até agora, Ramon Menezes e Fernando Diniz assumiram como interinos. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ednaldo Rodrigues está “isolado”, aponta jornal

Ainda de acordo com O Globo, que entrou em contato com uma fonte interna da CBF, o gabinete do presidente está quase sempre sem ninguém, em relação a visitas. Ou seja, ele realmente está sem apoio. 

Um outro fato que demonstra ainda mais o problema interno foi quando Ednaldo se tornou conselheiro da Fifa, no evento em que a própria CBF sediou no começo de novembro. Um dos convidados era Gianni Infantino, presidente da Fifa. Contudo, poucos mandatários de outras federações foram ao evento, e alguns mal foram chamados.