Perdeu o título do Brasileirão com o São Paulo e agora é lanterna do campeonato

Durante o Campeonato Brasileiro de 2020, o São Paulo chegou a abrir sete pontos de vantagem em relação ao segundo colocado. O time embalou sob o comando de Fernando Diniz e manteve a liderança até a  30ª rodada. Entretanto, a equipe se perdeu e acabou “entregando”, o título, que para muitos, parecia ganho. O Flamengo acabou levantando o caneco.

Em entrevista concedida ao programa “Bem, Amigos”, do Sportv, gravado em 2022, Diniz comentou sobre o ocorrido naquela temporada. Ele apontou que o grande problema foi um conjunto de fatores que acabaram resultando na perda do título. Entretanto, citou a troca de diretoria como um dos principais.

“O São Paulo perdeu o campeonato naquele momento por outros fatores. É mais justo falar que o São Paulo chegou aonde chegou porque jogava daquele jeito. Futebol é uma extensão da minha vida. Ali teve problemas relacionais (na mudança de diretoria). O São Paulo era um time muito harmônico, e quando desmoronou, foi um fator determinante”, indicou, antes de continuar:

“Quem entrou tinha criticado muito o meu trabalho, dos jogadores e do Daniel Alves. O momento ali era das pessoas pensarem no São Paulo e entrarem depois. Esse foi o fator determinante, a desarmonia que existiu ali refletiu no campo”, finalizou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Diniz vive situação crítica no Fluminense

Apesar de ter vencido a Libertadores da América na temporada passada com o Fluminense, o trabalho de Diniz vem sendo muito criticado pela torcida em 2024. Isso porque a equipe caiu de rendimento e não consegue jogar como o esperado.O time carioca é o lanterna do Brasileirão com somente seis pontos conquistados. A equipe acumula uma vitória, três empates e seis derrotas até aqui. Marcou 10 gols e sofreu 18.