Parceiro de Rafinha no pagode do São Paulo foge do assunto renovação

Após a conquista da Supercopa do Brasil diante do Palmeiras, o lateral Rafinha embalou o pagode ainda no avião do São Paulo. Um dos jogadores que mais participou da “resenha” foi o lateral-esquerdo Wellngton.

As músicas cantadas pelo veterano de 38 anos tinham de tudo, variando desde a valorização da conquista até provocações a ex-companheiros. Titular absoluto após a saída de Caio Paulista, Welington refletiu suas atuações dentro de campo no âmbito musical. 

“Vocês acompanharam, né? (risos). Com o Rafinha fica fácil, ele fica ali no banjo e eu só vou acompanhando, a gente sabe um pouquinho. No calor, na euforia, a gente desenrola no pagode. Fui o primeiro a chegar, ele já tinha me convocado antes, né? ‘Fica esperto: se a gente for campeão, chega junto que vai rolar o pagode pós-jogo’”, disse.

Mencionado anteriormente, Caio Paulista acabou “pulando o muro” e indo jogar no Palmeiras, algo que, como esperado, não caiu nada bem entre a torcida, diretoria e jogadores do Tricolor. Ele foi alvo de diversas brincadeiras “zoações” de Rafinha e companhia.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Faz parte do futebol. Tenho certeza que se o Palmeiras tivesse ganhado, ia ter zoação da parte deles. É levar na esportiva a brincadeira. É aproveitar o momento, a gente foi campeão, tem que zoar mesmo”, comentou Welington.

Renovação à caminho? Welington desconversa

O lateral formado nas categorias de base de Cotia tem vínculo até o final deste ano com o São Paulo. Ou seja, a partir de julho, ele já pode assinar um pré-contrato com qualquer equipe interessada, deixando o clube de graça até o final do ano. Perguntado sobre sua situação, ele disse que deixa essa parte para seus empresários.

“Esse é um assunto muito delicado, procuro deixar isso com meus empresários, com a diretoria. Meu foco é, enquanto estiver defendendo a camisa do São Paulo, dar sempre o meu melhor. A torcida pode esperar isso de mim. Deixo aos meus empresários e à diretoria. Espero que dê tudo certo”, finalizou.