Novo reforço do São Paulo acabou gerando problema pro clube

Confirmado como o terceiro reforço do São Paulo para a próxima temporada, o paraguaio Damián Bobadilla, de 22 anos, chega ao Morumbi com a promessa de se tornar peça essencial para o elenco do técnico Dorival Jr. Ele, porém, traz à tona uma velha dor de cabeça para o clube: o alto número de atletas estrangeiros.

Com a chegada da joia do Cerro Porteño, o São Paulo chega ao incrível número de dez jogadores gringos em seu elenco. O problema já havia tirado o então técnico Rogério Ceni do sério no início da temporada, quando apenas cinco estrangeiros podiam ser relacionados para partidas em competições nacionais.

Tal fato levou o São Paulo a entrar com um pedido junto à CBF para aumentar o número para sete, algo que acabaria sendo aceito pela entidade no mês de março. Mesmo assim, o limite ainda é problema no CT da Barra Funda desde a chegada de James Rodríguez e o retorno de Nahuel Ferraresi após grave lesão.

Cria das divisões de base do Cerro Porteño, Damián Bobadilla chega para disputar posição com Alisson, meia que atuou na posição de segundo volante à partir da chegada de Dorival Jr. Ele teve sua primeira experiência pela Seleção Paraguaia nas últimas rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre os gringos do São Paulo em 2023

  • Jonathan Calleri (Argentina)
  • Robert Arboleda (Equador)
  • Nahuel Ferraresi (Venezuela)
  • Giuliano Galoppo (Argentina)
  • James Rodríguez (Colômbia)
  • Gabriel Neves (Uruguai)
  • Jhegson Méndez (Equador)
  • Michel Araújo (Uruguai)
  • Alan Franco (Argentina)

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.