Nikão manda recado no Cruzeiro e situação repercute no São Paulo

Emprestado ao Cruzeiro até o final desta temporada, a situação de Nikão ainda está indefinida para o futuro. Depois de um começo abaixo do esperado no clube mineiro, vem ganhando cada vez mais espaço nas últimas partidas. Em 21 partidas no ano, marcou três gols e distribuiu duas assistências.

Ele enfrentou problemas com os técnicos Paulo Pezzolano e Pepa, mas com a chegada de Zé Ricardo, a situação mudou totalmente. Na estreia do novo comandante, na vitória por 3 a 0 contra o Santos, Nikão foi o melhor em campo depois de marcar um gol e uma assistência vindo do banco de reservas.

“Sobre o Nikão, sempre joguei contra o Nikão. Sempre via nele uma qualidade muito grande. Poder de decisão grande. A gente começou, pude conhecer o clube na sua particularidade, essência e, conversando com os jogadores com mais experiência, rodagem no futebol para alinhar algumas coisas. Nikão é um jogador especial, porque consegue fazer funções importantes, importantes em situações que queremos jogar. Sabia que ele iria aparecer bem, como hoje”,disse Zé Ricardo, em entrevista coletiva.

Nikão afirmou que se sente mais à vontade após a chegada de Zé Ricardo, já que, segundo ele, o brasileiro é melhor na gestão de grupo em relação aos dois estrangeiros anteriores. Pezzolano é uruguaio e Pepa português.

“Para mim, mudou completamente. Eu vim de um treinador em que eu tinha uma certa distância, mas chega o Zé, que tem uma característica em que, para mim, é mais importante em um treinador: a gestão de grupo. Todos estarem na mesma sintonia, todos fazerem o mesmo trabalho, de cobrar da mesma forma quem está jogando e quem não está”, iniciou.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

 “Essa foi a característica no Zé que, até agora… além de ser um cara estudioso, um cara que entende de futebol, também essa gestão, deixando os atletas à vontade dentro de campo, para a gente exercer o que a gente sabe”, afirmou Nikão.

Nikão pode ser a primeira venda do SPFC na temporada de 2024

Melhor adaptado ao clube e com mais oportunidades, Nikão pode começar a render o esperado pela torcida do Cruzeiro. Vale destacar que o clube de Ronaldo Fenômeno tem uma opção de compra avaliada em R$ 8 milhões.

O São Paulo não irá contar com o meia para 2024, e espera negociá-lo após o final de seu empréstimo. Ronaldo, por outro lado, gostaria de discutir o valor e outras questões como o parcelamento da compra.