Neto interrompe Donos da Bola para informar dívida bilionária do Corinthians

Na última edição do programa Os Donos da Bola, da TV Bandeirantes, o apresentador Neto resolveu expor a situação financeira atual do Corinthians que, por sinal, não é nada boa para a diretoria, jogadores e torcedores alvinegros.

A dívida total do clube vem crescendo exponencialmente a cada ano, e já é um assunto delicado e preocupante nos bastidores. A dívida atual do Corinthians chega a incríveis R$ 1,65 bilhão, uma das maiores entre os clubes do futebol brasileiro.

O grande choque foi o gráfico apresentado durante o programa, que mostra o crescimento desenfreado do valor que a agremiação ainda deve. Todos os dados que serão divulgados aqui foram divulgados pelo próprio Donos da Bola, e não contemplam a dívida da Neo Química Arena, avaliada em R$ 706 milhões.

Durante o primeiro ano do mandato de Andrés Sanchez, ainda em 2007, as dívidas chegam a R$ 100 milhões. Neste mesmo ano, a equipe acabou caindo para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, enquanto o São Paulo comemorava o título da Série A.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Em 2011, já com Mário Gobbi no poder, o valor aumentou para R$ 178 milhões, considerado “controlável” e “ok” tendo em vista como funciona o futebol do país. Durante sua gestão, os gastos superaram as receitas, e em 2015, a dívida que foi herdada por Roberto de Andrade havia subido para R$ 453 milhões.

Mesmo assim, o time conseguiu ir bem durante o período, conquistando títulos e dando alegrias à torcida,  que mal esperava o que estava por vir. Andrés Sanchez retornou como presidente em 2018, e foi aí que a situação desandou.

Assumiu o clube com R$ 477 milhões em dívidas, mas acabou saindo com um déficit de R$ 957 milhões, em 2020. Duílio Monteiro Alves herdou a dívida e assumiu que o principal objetivo de sua gestão era controlar os gastos e diminuir o valor.

De fato, Augusto Melo assumiu a presidência do clube com uma dívida de R$ 850 milhões, que já cresceu de forma muito rápida. O valor total que o Corinthians deve hoje (9), é de R$ 1,65 bilhão.