Mulher entra na Justiça contra Neymar exigindo mega pensão para filha húngara

De acordo com informações divulgadas nesta terça-feira (30) pelo jornal “Estadão”, uma mulher húngara entrou com um processo contra Neymar, no qual ela garante ter uma filha de 10 anos com o brasileiro. A mulher que teve relações com o jogador é Gabrielle Gaspar, que pede um exame de DNA e uma pensão de R$ 160 mil.

O veículo divulgou que ela teria engravidado do atleta enquanto estavam na Bolívia. Na ocasião, ela foi ao país sul-americano para acompanhar uma partida da Seleção Brasileira. Acabou o conhecendo, tendo relações sexuais e, consequentemente, engravidado.

Ela teria tentado falar com os pais de Neymar, Nadine Santos e Neymar da Silva Santos, além da irmã, Rafaella Santos, mas não obteve nenhuma resposta até então. Além disso, enviou uma carta ao Instituto Neymar Jr., e mensagens privadas ao jogador através das redes sociais.

Em uma das mensagens as quais o advogado compartilhou ao jornal citado, ela manda uma foto da garota, e escreve, em inglês:“Olá. Espero que tenha recebido a minha carta, incluindo a foto de sua garotinha”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Caso o juiz aceite o pedido, Neymar será obrigado a fazer um teste de DNA. A defesa da mesma diz que ela não tem condições financeiras para arcar com a criação da filha, pedindo uma pensão de 30 mil euros por mês, o que convertidos ao real, totaliza algo em torno de R$ 160 mil.

Além da pensão, Gabriella, que nasceu na Hungria, solicita um valor de R$ 2 milhões, referente aos custos que teve durante o período em que estava grávida, além de alimentação e exames.