Motivo que fez Gabigol não ser convocado pra Copa do Mundo vai te fazer cair da cadeira

Revelado nas divisões de base do Santos e dono de passagens por Internazionale e Benfica no futebol europeu, o atacante Gabriel Barbosa, carinhosamente apelidado de ‘Gabigol’, se tornou um dos maiores ídolos da história do Flamengo, clube que defende desde 2019, com 155 gols marcados em 276 partidas.

Os ótimos números, aliados aos dois títulos de Copa Libertadores e do Campeonato Brasileiro, no entanto, não foram capazes de tornar Gabigol figurinha carimbada dentro da Seleção Brasileira. Com 18 convocações até então, o atacante de 27 anos não é chamado desde 2022, quando marcou presença nas Eliminatórias.

Então vivendo ótima fase, Gabigol foi chamado por Tite para os duelos contra Equador e Paraguai. Passando em branco no compromisso contra os equatorianos, o artilheiro acabaria ficando de fora para a chamada final do comandante para a disputa da Copa do Mundo do Catar, disputada entre novembro e dezembro de 2022.

E um dos motivos apontados para a ausência de Gabigol na lista foi, no mínimo, curioso. Segundo o colunista Erlan Bastos, o camisa 9 rubro-negro não foi chamado por conta de uma desavença com Neymar. Ex-namorado da irmã do astro, Gabigol teria sido “cortado” por conta do relacionamento com o ex-cunhado.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Gabigol está suspenso por fraude em antidoping

Uma verdadeira bomba movimentou os bastidores do futebol brasileiro no fim do último mês. Julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem (TJD-AD), em sessão que durou pouco mais de duas horas, o atacante Gabigol, ídolo do Flamengo, acabou suspenso por dois anos por fraude do exame antidoping.

Por previsão do regulamento antidopagem, a pena do artilheiro começou a valer a partir de 8 de abril de 2023, quando foi realizada a coleta de exames no CT flamenguista. Gabigol, portanto, está impedido de realizar suas atividades até abril de 2025. A decisão do TJD-AD ainda cabe recurso por parte do atleta.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.