Melhor notícia do São Paulo pra 2024 chegou ainda em dezembro de 2023

A temporada de 2023 do São Paulo chegou ao fim. O saldo final foi positivo apesar do desempenho abaixo no Brasileirão. A equipe comandada pelo técnico Dorival Júnior levantou a Copa do Brasil pela primeira vez na história do clube, e se garantiu na fase de grupos da Libertadores da América de 2024.

Para o ano que vem, o treinador deverá contar com praticamente todos os titulares à disposição na pré-temporada. Isso porque segundo o portal Terra, Calerri, Galoppo e Igor Vinicius já treinam normalmente com o grupo, sem restrições.

Os três não foram relacionados para o duelo contra o Flamengo, na última quarta-feira (6), no Morumbi. Contudo, devem estar 100% disponíveis para o início da pré-temporada, podendo atuar na Supercopa.

  • Situação de Calleri

O argentino jogou praticamente toda a temporada no sacrifício. O atacante conviveu com uma lesão no tornozelo direito desde fevereiro, mas pelo bem da equipe, optou por não realizar a cirurgia naquele momento.

Finalmente realizou o procedimento cirúrgico no final de setembro, atuando em alguns jogos após a conquista da Copa do Brasil. Ele foi o artilheiro do Tricolor na temporada, com 14 gols marcados.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

  • Situação de Galoppo

O meia estava voando no início da temporada, sendo titular absoluto sob o comando de Rogério Ceni. Por sinal, vinha demonstrando muita polivalência, já que podia atuar tanto no meio-campo, mas também como atacante. Marcou oito gols e duas assistências em 11 jogos no ano.

Todavia, ele sofreu uma ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, durante duelo contra o Água Santa, que marcou a eliminação do São Paulo no Campeonato Paulista. Passou o restante do ano se recuperando, e deve brigar pela titularidade em 2024.

  • Situação de Igor Vinícius

Titular em boa parte de 2022, o lateral-direito ficou fora de todo o ano de 2023 por conta de uma lesão séria no púbis, sendo operado em duas oportunidades. O último jogo que ele disputou foi em janeiro, o segundo e último em todo o ano. A tendência é que ele brigue pela condição de titular com Rafinha, e assim como os outros dois citados, esteja disponível para a Supercopa.