Luciano fica furioso com juiz de São Paulo x Barcelona

Nesta quinta-feira (16), o São Paulo recebeu o Barcelona de Guayaquil, pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores da América. Apesar de um público de mais de 50 mil pessoas, o Tricolor não conseguiu sair do empate sem gols, e agora lutará pela liderança da chave na última rodada. 

A equipe comandada pelo técnico Luis Zubeldía não foi bem diante dos equatorianos. Por sinal, foi o pior jogo do time sob o comando do argentino de 43 anos. Apesar de não ter conseguido furar a defesa do Barcelona, o São Paulo sofreu com a catimba do time adversário, situação que irritou o atacante Luciano.

O camisa 10 saiu na bronca com o árbitro peruano Kevin Ortega, já que o mesmo só iniciou a punir os atletas adversários nos minutos finais da partida. Apesar disso, Luciano já pensa na próxima partida, contra o Talleres, no dia 29, no Morumbis. Basta uma vitória para o SPFC garantir a liderança do grupo.

“A vitória era o mais importante, todo time que vem aqui, vem fechado, por contra-ataque, uma bola parada. Hoje foi assim, a gente até teve a chance. Agradecer a Deus que depende só da gente, vamos contar com a força do nosso torcedor no Morumbis para sair classificado em primeiro do grupo”, disse.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Luciano sai aliviado e irá enfrentar o Talleres

Apesar das reclamações contra o árbitro da partida, Lucian saiu aliviado de campo. Pendurado, ele não tomou cartão amarelo e estará disponível para enfrentar o Talleres na última rodada. 

“Eu fiquei controlado. No primeiro tempo, os caras fizeram muita cera. O cara caiu aqui dentro da área uns 3 minutos, e o cara (árbitro) dá 1 minuto [de acréscimo]. Tem que ter paciência, sim, às vezes o juiz vem aqui e acaba complicando o nosso jogo, mas graças a Deus não tomei o amarelo e posso enfrentar o Talleres”, finalizou.