Lucas Moura se manifesta após deixar o campo com dores

No último sábado (20), o São Paulo venceu o Santo André por 3 a 1, no Morumbis, e estreou com o pé direito no Campeonato Paulista. Com um gol e uma assistência, Lucas Moura foi eleito o melhor da partida. Ele chegou a assustar os torcedores ao ser substituído com dores.

“Senti uma cãimbrazinha. Começo de temporada é normal, então é melhor se precaver e sair”, disse o camisa 7, que não preocupa, de acordo com o técnico Thiago Carpini.

“Lucas não preocupa, foi o cansaço mesmo, o limite que ele chegou. Se não fosse naquele momento, já estava prevista a troca, então não preocupa”, revelou o treinador.

Lucas deixou claro que se sente em casa no Tricolor, destacando o amor pelo clube nesta segunda passagem. Ele assinou uma renovação de contrato nos últimos meses e ficará no Morumbi por, pelo menos, mais três temporadas.

“Muito feliz de ter permanecido, aqui é minha casa, onde me sinto bem e feliz. Depois de quatro meses e da conquista da Copa do Brasil, ficou o gosto de quero mais. Eu estava empolgado pela estreia, é bom conquistar a vitória e vamos por mais!”, disse.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O camisa 7 rasgou elogios a Thiago Carpini, que foi o escolhido para ser o substituto de Dorival Júnior, contratado para assumir a Seleção Brasileira. De quebra, comentou sobre suas preferências dentro de campo, citando até uma concorrência com James Rodríguez, que acabou ficando de fora na estreia do Estadual.

“É um cara novo com ideias boas e é um cara humilde aberto a ouvir, para aprimorar, o time estava muito bem entrosado e vamos melhorar e implementar o estilo dele. Ele [James] dispensa comentários, a qualidade que ele tem com a bola no pé, para caras com ele tem sempre lugar no time! Eu me sinto à vontade jogando pelas pontas, mas minha posição de origem é de 10, porém estou adaptado a jogar nas pontas. Eu gosto de ter liberdade, mas o mais importante é o São Paulo e estou disposto a fazer o que for necessário”, disse.

Lucas sonha com Seleção Brasileira

Finalizando a entrevista pós-jogo, Lucas deixou claro que ainda sonha em defender a Seleção Brasileira em sua carreira. A oportunidade pode pintar em breve, já que Dorival Júnior assumiu o comando da Amarelinha.“É minha meta! Vou trabalhar para isso, servir ao meu país é sempre uma honra”, admitiu.