Lucas Moura age na surdina pra trazer craque italiano pro São Paulo

O rumo que o São Paulo tomar nesta temporada pode ser decisivo para diversos fatores em 2024, como a própria verba para contratações de jogadores. Além de poder conquistar o título inédito da Copa do Brasil, o Tricolor irá se classificar à Libertadores da América, principal objetivo dos últimos anos.

Com isso, o clube terá mais verba para ajustar as finanças e também para investir de fato em uma equipe competitiva para o técnico Dorival Júnior, visando a disputa da Libertadores, torneio o qual ganhou na temporada passada, dirigindo o Flamengo.

Depois de inúmeros pedidos da torcida, Lucas Moura não assinou nem com o futebol saudita nem o mexicano, e escolhei retornar ao Morumbi. O craque tem vínculo até o final desta temporada, e a depender do desempenho do Tricolor, poderá ficar para a próxima temporada, visando a Libertadores.

Além de contribuir dentro de campo, a cria da base de Cotia também pode ser um fator crucial no mercado de transferências. Isto porque ele pode acabar ajudando o SPFC a contratar um reforço diretamente da Premier League.

Jorginho perto do São Paulo? Entenda o caso

Atualmente no Arsenal, da Inglaterra, o meia Jorginho fez praticamente toda a sua carreira na Europa. Depois de se destacar no Napoli, se transferiu ao Chelsea, onde ganhou Liga dos Campeões, Mundial de Clubes, entre outros troféus. Atingiu seu auge na seleção da Itália, quando levantou a Eurocopa em 2021. Chegou a ser cotado para ganhar a Bola de Ouro da Fifa.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Reserva no Arsenal, Jorginho não descarta um retorno ao futebol  brasileiro. Isto porque o próprio Lucas revelou que chamou o ítalo-brasileiro para atuar no Morumbi, já que o próprio Jorginho revelou que seu time do coração é o São Paulo.

“Teve uma declaração do Jorginho dizendo que era São Paulino, eu mandei mensagem para ele e falei: ‘Vamos para lá logo, logo’, aí ele falou assim: quando você for, me chama’, falei: ‘vou lembrar disso”, disse Lucas, em entrevista ao Desimpedidos.

Entretanto, o SPFC não tem dinheiro para pagar uma taxa de transferência. As únicas possibilidades seriam através de um empréstimo junto ao Arsenal, ou uma rescisão de contrato, algo improvável. O Tricolor pode esperar até a metade de 2024, quando seu contrato com o time londrino vence. Estaria livre para assinar um pré-acordo a partir de janeiro.