Julio Casares tenta a reeleição no São Paulo

Se dentro de campo a situação do São Paulo está confortável, muito por conta do título da Copa do Brasil e da vaga na Libertadores, fora dele o clube vive um clima de tensão política. Neste sábado (25), ocorrerá a eleição de 100 novos conselheiros, e diante disso, o presidente Julio Casares intensificou sua campanha para a reeleição.

Ele é o grande favorito a ocupar o cargo de mandatário por mais três anos. Antes, a reeleição não era permitida, mas a lei foi mudada depois da última reforma no estatuto do clube.

Com as eleições do Conselho se aproximando, Casares está cada vez mais ativo nos bastidores do Morumbi. Ele vem se reunindo com diferentes figuras políticas em eventos, visando ampliar ainda mais a sua popularidade.

Nos últimos dias, os membros que compõem a posição reclamaram do sistema de votos, mas não tiveram sucesso. A grande questão é que os contrários à gestão atual ainda não anunciaram um candidato oficial para a presidência. Segundo divulgação do portal Globo Esporte, a definição deve acontecer após o sábado, a depender das eleições do Conselho Deliberativo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Casares aproveita pausa no calendário de jogos para se reunir com diferentes figuras do futebol

Enquanto isso, Julio Casares está no Rio de Janeiro desde a última segunda-feira (20). O mandatário já se reuniu com diferentes personalidades do mundo do futebol, como Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Pedrinho, eleito presidente do Vasco nas últimas semanas.

O grande trunfo de Casares é, além da falta de organização da oposição, possuir o apoio de figuras importantes no clube, tais como a própria torcida organizada (Independente). No último final de semana, quase 100 ex-jogadores e ídolos do São Paulo foram ao Morumbi para uma feijoada comemorativa promovida por Casares.

“O nosso foco é valorizar o ex-atleta e garantir que a história continue viva. Fizemos o Camarote dos Ídolos, reabrimos o Memorial e colocamos homenagens a ex-jogadores nas embocaduras do Morumbi. A Feijuca dos Ídolos é mais um projeto para valorizar essa história”, disse Casares, ao site oficial do São Paulo.