Julio Casares se pronuncia sobre a saída de Carpini do São Paulo

Contratado para substituir Dorival Júnior no comando do São Paulo, o jovem Thiago Carpini já está na corda-bamba no clube. Isso porque a torcida está pressionando por uma demissão do treinador após a eliminação precoce no Campeonato Paulista e as más atuações da equipe como um todo.

Por sinal, o treinador foi bastante criticado ainda durante a partida contra o Novorizontino, na qual o Tricolor empatou em 1 a 1 no tempo normal e foi derrotado na disputa de pênaltis. Ainda com bola rolando, Carpini foi chamado de “burro” em diversas oportunidades. 

Apesar dos inúmeros pedidos por uma demissão de Carpini, o presidente Julio Casares optou por seguir acreditando no trabalho do técnico que se destacou em 2023 dirigindo o Água Santa, alcançando a final do Campeonato Paulista, e o Juventude, conseguindo a classificação para a Série A do Campeonato Brasileiro

O mandatário são-paulino reforçou a manutenção de Carpini recentemente, quando foi abordado por um fã no que parecia ser os arredores do MorumBis. Casares pregou “calma”, citando o pouco número de partidas que comandou no Tricolor.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Calma, tem 14 jogos só. Ele foi campeão da Supercopa e quebrou um tabu. Vamos ter calma. Vamos apoiar e dia 10 tem Libertadores e vamos com tudo”, disse Julio Casares, comentando sobre os próximos compromissos do time.

SPFC na Libertadores

O São Paulo estreia na Libertadores deste ano nesta quinta-feira (4), às 21h, diante do Talleres, no Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba, na Argentina. Na próxima quarta (10), recebe o Cobressal, do Chile, no MorumBis.