Julio Casares se manifesta sobre a contratação de Di Maria

LONDON, ENGLAND - JUNE 01: Angel Di Maria of Argentina celebrates scoring a goal to make the score 0-2 during the 2022 Finalissima match between Italy and Argentina at Wembley Stadium on June 1, 2022 in London, England. (Photo by Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images)

Na última semana, surgiram diversos rumores sobre uma possível contratação do meia Ángel Di Maria pelo São Paulo. O jogador argentino defende o Benfica, de Portugal, e tem contrato com o clube até o meio deste ano.

Logo, o Tricolor, ou qualquer outra equipe interessada, pode negociar um pré-acordo com o jogador. Caso ele aceite a proposta, sairá do Benfica e se apresentará em julho, e o melhor, a custo zero (apenas salários, luvas e bônus).

De acordo com informações divulgadas pelo portal Bolavip Brasil, o argentino possui interesse em retornar ao futebol sul-americano. Por sinal, ele estaria aberto a possibilidade de jogar no Brasil.

Em entrevista à Folha de São Paulo, o presidente Julio Casares foi questionado sobre possíveis novos reforços para o time, além da probabilidade do Tricolor contratar o craque campeão mundial com a Argentina em 2022. 

“Não há nada previsto (reforços). O Lucas voltou. Muitos duvidavam. É, o Di Maria apareceu. Quem não gostaria de ter um jogador como ele? Mas não existe nada. Agora, o futebol é dinâmico. Um dia é diferente do outro”, disse. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Di Maria quer retornar ao clube de coração

Apesar das boas condições econômicas do futebol brasileiro, Di Maria pode seguir o seu coração e assinar com o time de infância. Ele sempre deixou claro que pretende voltar ao Rosário Central, da Argentina. Um de seus maiores sonhos é retornar a Rosário em boas condições para fazer o time brigar por uma Libertadores da América. 

Um possível contrato com o São Paulo seria interessante do ponto de vista econômico, já que o Tricolor deve abrir espaço na folha salarial com a saída de James Rodríguez. Contudo, basta saber se o coração falará mais alto para o meia do Benfica.