Jornalista do SporTV ironiza rebaixamento da Independente e cobranças

O carnaval de São Paulo chegou ao fim nesta terça-feira (13) com uma emocionante apuração que deu o 12º título para a Mocidade Alegre. Do outro lado da classificação, a Independente Tricolor amargou a última posição e um inesperado rebaixamento para o Grupo de Acesso. Algo que rendeu críticas na imprensa esportiva.

Durante o tradicional programa Redação SporTV, o jornalista Marcelo Barreto, um dos mais respeitados no ramo, foi irônico com o fato da torcida organizada do São Paulo ter caído de divisão. Em conversa descontraída com a repórter Joanna de Assis, Barreto indagou se os jogadores foram até a sede da torcida para protestar.

“Joanna, a escola de samba da organizada do São Paulo caiu, né? (…) E os jogadores foram lá na sede da organizada para cobrar, para dizer que acabou o amor, picharam o muro, divulgaram o disque-balada para pegar integrantes na noite?”, disse o jornalista aos risos.

Com 268,7 pontos, a Independente Tricolor ficou três décimos atrás da Camisa Verde e Branco, primeira escola fora da “zona da degola”. A tradicional Tom Maior também estará no Grupo de Acesso em 2025. Outra organizada do São Paulo, a Dragões da Real ficou bem próximo de conquistar seu primeiro título no carnaval.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Confira o resultado do carnaval em São Paulo

  1. Mocidade Alegre – 270,0
  2. Dragões da Real – 270,0
  3. Acadêmicos do Tatuapé – 269,8
  4. Gaviões da Fiel – 269,6
  5. Mancha Verde – 269,6
  6. Império de Casa Verde – 269,6
  7. Acadêmicos do Tucuruvi – 269,4
  8. Vai-Vai – 269,4
  9. Barroca Zona Sul – 269,3
  10. Águia de Ouro – 269,1
  11. Rosas de Ouro – 269,1
  12. Camisa Verde e Branco – 269,0
  13. Tom Maior – 268,7
  14. Independente Tricolor – 268,7

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.